segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Como prever o imprevisto!

Quem segue o blog desde os primeiros posts já me ouviu (na verdade foi ler o que escrevi) várias vezes a falar disto, somente vejo que muita gente ainda não percebeu a sua importância.

Eu prefiro que não sejas muito bom com o teu dinheiro (mentira), mas que ao menos tenhas um Fundo de Emergência (pura verdade).
Fundo de Emergência é dinheiro que pomos de lado para nos ajudar em caso de emergências.




Acredita em mim, imprevistos acontecem e irão sempre acontecer. Não é pessimismo da minha parte, mas sim ter os pés bem assentes na terra. Se não te preparas para emergências, então não tens direito a depois reclamar dizendo que "a vida é injusta", "estas coisas só acontecem a mim", "tenho muito azar", ou a melhor de todas "isto é resultado da inveja das pessoas".
Pára com justificações, pois nós o dois sabemos que não são nada verdade. 

Uma das melhores coisas que esta aventura me proporcionou foi paz de espírito. Saber que aconteça o que acontecer, não irei ficar sem chão, pode me abalar mas não me irá deitar abaixo.

E tu dizes, "Guardar dinheiro para emergências é ser pessimista".
Pois, pelo que sei, imprevisto quando quer entrar na tua casa, não bate a porta e diz:
- Bom dia, diz-me uma coisa, és pessimista ou optimista?
- Sou optimista!!
- Ui desculpa, porta errada, deve ser o teu vizinho quem eu quero.
NÃO. 

Imprevisto simplesmente chuta a porta da tua casa, vai a tua geleira, pega uma cerveja, vai até ao sofá, senta-se, põe os pés em cima da mesa e diz "Querida, cheguei".
E se não fizeres nada rápido, ele convida a família dele, falo do primo Azar, tio Desgraça e a sobrinha Só Acontece Comigo, aí sim tens uns belos inquilinos.


Não digas que não avisei. Pelo menos o suficiente para sobreviveres 6 meses sem salário. No caso de estares endividado, aponta para 60% do teu salário, se 60% do teu salário ultrapassar 30.000,00 Mt, fica-te nos 30.000,00 Mt, depois paga todas as tuas dívidas.

Até ao próximo episódio...

Sem comentários:

Enviar um comentário